quinta-feira, 3 de outubro de 2013

CAMILO CREDITA MAL MOMENTO AO EXCESSO DE DESFALQUES NO CESSO

Em seu segundo jogo seguido em casa, o Bonsucesso teve tudo para entrar na briga pela classificação à segunda fase na Copa Rio. Porém, a equipe foi derrotada pelo Volta Redonda por 1 a 0 (apenas o segundo resultado negativo em casa no ano) e estacionou nos quatro pontos, seis a menos do que o vice-líder Duque de Caxias. O meia Camilo credita o momento ao alto número de desfalques por lesão durante a competição.

- Tivemos algumas baixas e não conseguimos repetir a equipe. Marquinhos, Marlon, Marco Túlio, Renan estiveram fora. Estamos falando de quatro jogadores. É complicado. Até ajeitar o time, leva um tempo. E o campeonato é muito curto. Acho que poderíamos estar em situação melhor e o time tem bons valores, mas ainda há esperança. E, enquanto tivermos chances, temos que manter o profissionalismo e jogar.

Camilo, entretanto, rechaçou qualquer possibilidade de utilizar a Copa Rio como teste ou experiência visando a Série A. Segundo o meia, grupo, direção e comissão técnica já se conhecem e é momento de buscar o título da competição, e não apenas ganhar bagagem para a próxima temporada.

- A primeira divisão é uma outra situação. Mas a gente já está aqui há dez meses. Já dá pra conhecer o jogador e o seu perfil e momento. Não tem motivo para fazer teste na Copa Rio. Eu encaro dessa forma. Infelizmente os resultados não têm vindo mas temos que continuar trabalhando e tentar reverter a situação.

Com chances remotas, o Bonsucesso volta a campo na próxima quarta-feira (9), às 15h, para enfrentar o Duque de Caxias, no Marrentão, em Xerém. Um empate elimina o Rubro-Anil.


Fonte: Futrio.net

Nenhum comentário: