terça-feira, 6 de setembro de 2011

COLUNA DE PAPO COM ''DOENTE'' COM ANDRÉ VERAS


Olá Amigos!

Começamos a Copa Rio com um empate fora de nossos domínios. Mas dentro das circunstâncias, ou seja, com um jogador a menos desde a metade do segundo tempo e perdendo por uma a zero. Mas acredito que no jogo de volta possamos vencer esse difícil adversário.

Mas no próximo dia 07/09 lugar de rubro anil é na Ilha do Governador, mas precisamente no estádio luso-brasileiro. Será o reencontro da torcida com a equipe, e com isso, precisamos lotar o estádio e darmos todo o apoio possível e também mostrar ao Túlio Maravilha o quanto a nossa torcida é diferenciada das demais. E não podemos esquecer que é feriado, isso é um motivo a mais de invadirmos o bairro vizinho com o manto rubro anil. Lembrando que é sempre um prazer assistir o jogo na nossa coirmã Portuguesa Carioca.

Quero abrir um espaço nessa coluna para prestar a minha homenagem a minha ¨Tia ¨que me adotou na torcida rubro anil. Trata-se da Tia Marlene, genitora do meu amigo e irmão George Joaquim. Queria desejar muita saúde e paz em mais um primavera completada. E agradecer pelo convívio com a senhora, principalmente nas nossas longas viagens para ver o nosso Bonsuça. Por isso que mencionei no parágrafo acima que a senhora como os demais torna essa torcida diferenciada.

Na última semana, uma emissora de televisão divulgou uma reportagem sobre esquema de arbitragem, onde dois árbitros, que não revelaram suas identidades resolveram abrir o verbo e disser que houver armação no rabaixamento do América e no acesso do Friburguense. Fez muito bem o presidente da FFERJ, SR. Rubens Lopes, recorrer ao Ministério Público e ao TJD.

O que acho estranho foi esse Senhores detentores do apito resolverem se pronunciar agora. Porque não se manifestaram durante o decorrer do Campeonato? Mas em contra partida se isto aconteceu mesmo, cabe o justiça tomar as devidas providências, pois isso é muito grave. O responsável pela arbitragem poderia se pronunciar nem que fosse por meio de uma carta. Precisamos acompanhar de perto todo esse processo. Vamos ficar de olho Fanáticos!!!

Vemo-nos na Quarta!

Avante Bonsucesso!

Um abraço a todos!



6 comentários:

George Joaquim Ferreira Machado disse...

Obrigado grande rubro-anil pelas palavras à mamãe. Sua homenagem valoriza ainda mais uma história de vida nas cores rubro-anil. De carona em sua matéria, o Bonsucesso deveria ter o objetivo de vencer as duas partidas contra o S.j. da Barra. É um confronto de forças de duas equipes da segunda divisão e o Bonsucesso é o Campeão. Acho que pisamos lá no gramado adversário com muito respeito. É sacudir o Resende na Ilha, pois acredito que não deve ter mantido a equipe da série A, e ficar bem na tabela. Sobre as denúncias contra a arbitragem, é curioso que em 18 anos de segunda divisão, o Bonsucesso já foi vítima de todas as sacanagens possíveis da arbitragem. Em 18 anos, nosso clube sim foi muito prejudicado, dificultando sua ascensão à primeira divisão e ninguém apareceu para denunciar nada. Agora nosso rubro-anil vence a competição de forma briosa e honesta e aparece esses "fantasmas" para denunciarem "um esquema", a fim de mancharem o cenário do futebol carioca. O América se arrasta na primeira divisão há anos e não ouvi ninguém das rádios durante a competição da série A falar mal da arbitragem contra o América. Se falaram não ouvi nesse dia. O América caiu pela incompetência de sua administração, aliás o presidente do América foi afastado pelo Conselho do clube por irregularidades.Fez muito bem o presidente da Ferj em acionar os poderes legais de nosso estado. São atos como esse que servirão para esclarecer ainda mais a opinião pública das denúncias na Record. Quarta é dia do Volks "rasgar" a Dutra e Linha Vermelha rumo a Ilha. Abração a todos.

Anônimo disse...

Contra partida se escreve junto: CONTRAPARTIDA.

André Veras disse...

Olá Anônimo,

Muito obrigado pela observação. Deve ter sido na hora de tranferir o texto para o email que deve ter acontecido.

Desculpe lhe chamar de anônimo, pois não sei o seu nome. No próximo artigo lanço a errata. Mas seria importante saber o vosso nome para dar crédito a sua correção.

Obrigado!

Herman disse...

Grandes amigos André e George, amanhã é o grande dia de nos reunirmos lá no Luso-Brasileiro. Além de vermos o Bonsuça com Túlio Maravilha e companhia em ação, ainda teremos a oportunidade de ver os aviões chegando e saindo do Galeão. Um bom passatempo no intervalo do jogo. Avião voando baixo todo mundo olha. Quanto ao jogo, acho que vai ser parada dura; o Resende tem um time chato. Mas acho que dá Bonsuça: 3 x 2!!! Eu confio piamente no Esquadrão Rubro-Anil no dia da Independência Rubro-Anil!!!

E não poderia deixar também de parabenizar a dona Marlene, mãe do nosso ilustre benemérito George. Mais uma velinha é apagada. Esperamos que ela possa, assim como o Bonsuça, chegar ao centenário; e com toda saúde.

Estejamos todos amanhã no Luso-Brasileiro. Vamos todos invadir as terras lusitanas sem sair do Brasil!!! Grande abraço a todos!!!
Saudações rubro-anis!!!

George Joaquim Ferreira Machado disse...

Valeu Herman! Abração.

Tassia disse...

Oi, leitor anônimo! o bom senso e a educação manda que quando se faz uma crítica a alguém, seja ela contrutíva ou não, deve-se identificar-se, eu não sei quem você é, porém você cometeu um erro gravíssimo, pior do que o erro outorgráfico , além do mais inverja é feio.
André você é um otímo colunista, parabéns, abraços, Tassia.