quarta-feira, 16 de junho de 2010

ESCALA DA ARBITRGEM; BONSUCESSO X CFZ DO RIO

BONSUCESSO X C.F.Z. DO RIO 


ESTÁDIO : LEONIDAS DA SILVA
DIA: 16/06/10 
HORÁRIO: 15:00

ÁRBITRO:
RODRIGO CARVALHAES DE MIRANDA

ÁRBITRO ASSISTENTE Nº 1:
JOSÉ CARLOS BATISTA DE ARRUDA

ÁRBITRO ASSISTENTE Nº 2:
SERGIO WALDMAN

*4º ÁRBITRO:
RAFAEL FERREIRA TEIXEIRA

TÉCNICO:
SERGIO DE OLIVEIRA SANTOS

2 comentários:

Herman disse...

Por que o Bonsuça não consegue ganhar fora de casa????

Caros amigos rubro-anis, eu começo esta mensagem justamente com a indagação acima. E acredito que vocês também devam estar se perguntando o mesmo.

Ninguém sabe explicar a razão de tantos fracassos fora de casa, contrastando totalmente com a performance realizada na Teixeira de Castro; dentro de casa o Bonsuça ganhou quase todas as partidas, ao passo que, fora de casa, o rubro-anil praticamente não ganhou. E isso vem intrigando constantemente a mim e a grande parte dos torcedores.

Nossa única vitória fora de casa em 2010 foi contra o Angra dos Reis, pelo placar de 8 x 1, curiosamente a maior goleada do campeonato até o presente momento. O Bonsucesso não conseguiu mais nenhuma vitória fora, sendo que parte dos outros times, mesmo jogando em casa, não é tão forte assim. Vamos analisar a tabela da segunda fase: o Bonsuça até aqui jogou 4 partidas fora (Itaperuna, Sampaio Correa, Quissamã e Fênix). A meu ver, o Quissamã é o mais forte dos quatro. Então, penso que poderíamos ter conquistado até uns 9 pontos de 12, ou, miseravelmente, uns 6 ou 7. A situação real: desses 12 pontos, o Bonsuça conquistou apenas 2. Se o Bonsuça tivesse ganho uns dois desses jogos, já estaria no G-2.

É um fato inexplicável um time forte como o Bonsuça não conseguir manter uma regularidade na seqüência do campeonato. Eu já começo a cogitar algumas possíveis razões para tal performance. Um time com uma dupla de ataque formada por Allan e Rafael Paty não pode ficar em posição delicada no campeonato, como está agora. Sei que o nosso setor defensivo precisa melhorar suas atuações, mas como é que a defesa se porta tão bem jogando dentro de casa e tão mal fora? Não sei exatamente o que estaria acontecendo com o time. Será que se trata do desgaste causado pelas longas viagens pra fora do Rio? Ou será algo que a nossa própria razão desconhece?

Não é problema de treinador, isso eu posso garantir, pois na passagem do Toninho Barroso já acontecia isso. Mesmo com o retorno do Ronald Cabral, o problema persiste.

Mas o que mais me parece plausível é que, ao time, dá a impressão de faltar um pouco de esperteza nesses jogos fora, pois mesmo atuando em campos desconhecidos, o rubro-anil poderia sair de uma parcela razoável deles com os 3 pontos, conforme mencionei anteriormente; tudo bem que, de vez em quando o time consegue arrancar um empate fora. Seriam bons esses empates se o time, além de vencer em casa, vencesse também fora, de vez em quando. E todos percebem claramente que a falta desses pontos fora estão jogando o Bonsuça lá pra baixo na classificação; e o otimismo da torcida com a possibilidade de retornar à primeira divisão em 2011 começa a se tornar cada vez menor a cada rodada que passa. O Bonsuça neste momento está no limiar do perigo; com a vitória do Fênix sobre o próprio Bonsucesso, o time em questão ficou a somente dois pontos da gente. Nossa posição na tabela hoje só nos classificaria para a Copa Rio do ano que vem, e ainda assim, no sufoco. O Bonsuça teria que tirar uma diferença de 6 pontos para o segundo colocado, embora ainda faltem várias rodadas daqui até o fim do campeonato. Mas aí é aquela coisa que muitos costumam dizer, tipo: “Ah, ainda faltam muitas rodadas. Não há com o que se preocupar.”, ou então “Muita coisa ainda vai acontecer; os adversários ainda vão tropeçar”. E de fato, os adversários diretos até tropeçam; mas é justamente aí onde o Bonsuça falha: quando o jogo é fora de casa. Aí os outros que estão a frente empatam ou ganham e o Bonsuça volta lá pra trás na classificação. E quando joga em casa, o Bonsuça ganha e aí só consegue diminuir a diferença – não entra na zona de classificação, o tão sonhado G-2. O time fica nessa gangorra...

(continua)

Herman disse...

Esse drama todo só para o Bonsuça conseguir ganhar uma única posição nessa rodada (pra dar uma moral ao time, diga-se de passagem); é tudo o que ele pode fazer: chegar ao 4º lugar. Agora, eu afirmo uma coisa com veemência: se o Bonsucesso não derrotar o Nova Iguaçu no próximo sábado, lá no Jânio Morais, nem adianta a gente perder tempo torcendo por outra combinação de resultados, porque mesmo com os primeiros perdendo, o nosso time pode dar adeus ao sonho de voltar para a Primeira Divisão do Estadual em 2011, mesmo ainda tendo um returno inteiro pela frente.

Então, meus amigos, finalizo esta mensagem afirmando o seguinte: o Bonsuça precisa urgentemente começar a ganhar jogos FORA DE CASA – e continuar ganhando dentro -, pra no final do campeonato não ter que ficar dependendo de resultados de outrem; e como estamos começando a entrar na fase final do campeonato, eu acho que essa vai ser a última chance que o Bonsuça terá de começar a ganhar os seus jogos fora de casa. Caso contrário, o Bonsucesso correrá sério risco de ficar de fora até da Copa Rio.