segunda-feira, 26 de maio de 2008

RONALD NUNES, O TREINADOR DO BONSUCESSO

Ronald Nunes, ex-jogador do Fluminense e atual treinador do Bonsucesso terá pela frente uma enorme responsabilidade que será reerguer o clube e o colocar na Primeira Divisão do Campeonato Carioca novamente.

O ex-lateral direito nunca escondeu que seu grande sonho é retornar as Laranjeiras para comandar os garotos de Xerém, mas o desejo foi adiado já que o técnico do Leão da Leopoldina tem total apoio da diretoria rubro-anil. Ronald trabalhou como treinador e auxiliar técnico no time de juniores e profissional do Olaria em 2006, e teve passagens também por dois clubes da Terceira Divisão do Campeonato Carioca.

Em matéria realizada por Cizenando Cipriano, do site Pele.net, o treinador do Bonsuça já tem em mente o que fazer para ter sucesso na profissão: "Claro que tem a parte dos treinamentos, mas tudo depende muito do grupo. Se o treinador consegue dialogar com o elenco e tem a união necessária para que se alcance um objetivo, tudo dá certo."

Ronald tem como exemplos Joel Santana com quem trabalhou no Fluminense, Luxemburgo e Muricy Ramalho: "Tomo como exemplos o Joel Santana, com quem trabalhei no Fluminense e no Botafogo, o Vanderlei Luxemburgo, que dirige o Santos, e o Muricy Ramalho, que tem o elenco do São Paulo nas mãos."

>> Carreira como jogador

Ronald é um andarilho do futebol, passou por clubes como Botafogo, Americano, Madureira, Bahia, Fortaleza, América-RN, entre outros. O ápice na carreira sem dúvidas foi com a camisa do Fluminense, clube do seu coração. Ele era um dos jogadores do elenco campeão carioca de 1995, e estava presente na partida histórica em que Renato Gaúcho marcou o tal gol de barriga quebrando um jejum de títulos sobre o Flamengo: "A união daquele grupo era algo sensacional. Havia amizade entre todos. Nos dávamos muito bem nos treinamentos, quando saíamos ou reuníamos nossas famílias para um churrasco", lembrou Ronald.

Foi pelo Tricolor carioca que o lateral-direito teve a maior decepção na carreira também - a queda para a Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro: "O time até começou bem no Estadual daquele ano. Mas no período do Brasileiro, mudou a diretoria, chegaram muitos jogadores e a gente entrava em campo e nem conhecia o cara que estava do lado. Foi uma desorganização total e a bomba estourou", disse Ronald ao Pele.net

Ficha:
Ronald dos Santos Cabral - 29/10/1965 - Rio de Janeiro-RJ

Times:
Central de Barra do Piraí-RJ
América-RN- Madureira-RJ
Americano-RJ
São Mateus-ES
Americano-RJ
Fluminense-RJ
Botafogo-RJ
Bahia-BA
Fortaleza-CE
Madureira-RJ

Títulos:
Série B do Estadual do Rio de Janeiro (1993)
Estadual do Rio de Janeiro (1995)
Campeonato Baiano (1999)
Campeonato Cearense (2000)

5 comentários:

ronald disse...

Po namoral meu Pai é pika ....

ronald disse...

Ele e melhor lateral direito q eu ja vi jogar ...

ronald disse...

Ele e o melhor ...

Anônimo disse...

ele foi um bao lateral direito

Anônimo disse...

Se vocês olharem a história da lateral direita do Flu, verão que o Ronald foi um dos que fez história. Não pela fase ruim em que o time passava, mas pelaforça devontade dele...