sábado, 15 de dezembro de 2007

Jean Carlos também reforça o CSA

Até que enfim a indefinição acabou. O meia Jean Carlos, contratado como uma das grandes estrelas do CSA para a temporada de 2008, chegou e já se apresentou no Mutange.

Alguns torcedores tiveram um susto ao ver Jean Carlos, devido a sua semelhança com o atacante Júnior Amorim.

Em sua chegada, Jean demonstrou confiança em que possa realizar um trabalho que consiga ajudar o CSA na conquista do campeonato. Aos 36 anos, Jean afirmou que o torcedor vai se "surpreender" com o seu desempenho.

"Não tenho mais a vitalidade que tinha aos 20 ou 22 anos, mais descobri os atalhos para correr em um espaço certo.Tenho apresentado muita movimentação e espero poder colaborar com meus companheiros e fazer um CSA forte para disputar o título", declarou.

Fonte: Equipe esporte alagoano

Bonsucesso perde seu Maestro!!!

CSA reforça meio campo

O meia Jean Carlos, ex-Palmeiras e que atualmente estava no futebol carioca, foi confirmado como o mais novo reforço do CSA para a campanha do Campeonato Alagoano de 2008.

Ontem também, o meia Damon foi reintegrado pela direção azulina ao grupo. O técnico Celso Teixeira disse que vai fazer uma espécie de peneirão para saber quem vai ficar no elenco do Azulão em 2008.

"Fechamos com o meia Jean Carlos: ele também deve chegar no início da semana; e Damon é nosso atleta, mas sua permanência vai depender do técnico Celso", diz o diretor interino de futebol, Lúmario Rodrigues.

A diretoria azulina informou que cerca de nove a dez jogadores ainda faltam ser contratados para compor o grupo do CSA para a próxima temporada, e todos eles estão em negociação com o técnico Celso Teixeira, faltando apenas detalhes.

Fonte: http://www.futebolnordeste.com/

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

A nova criação





No dia 1º de Janeiro estréia o mais novo blog relacionado com o futebol mais charmoso do Brasil. A equipe é formada por jornalistas e amigos que terão a missão de divulgar as suas opiniões com um toque jornalístico. Cada um falará sobre um clube: Renan de Moura (Flamengo), Stéfano Salles (América), Thiago Zorro (Fluminense), Ricardo Oliveira (Botafogo), André Queiroz (cobrirá as equipes de menor porte) e Ivan Mazzuia (Vasco).

Aguardem!!!

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Evento vai Agitar o Bonsucesso FC!!!!

Revelação Futebol Show no Rio de Janeiro



No dia 17 de dezembro (segunda-feira), a sede do Bonsucesso Futebol Clube, localizado no bairro do Bonsucesso no Rio de Janeiro (RJ), será palco do evento beneficente Revelação Futebol Show.

O grupo Revelação entra em campo com grandes feras do nosso futebol e da música, em prol das comunidades carentes do bairro carioca de Engenho de Dentro.

Já foram confirmadas as presenças dos jogadores Adriano (Inter-ITA), Denílson, Djalminha, Ibson, Léo Moura, Romário, Vágner Love, entre outros craques.

Os artistas Alexandre Pires, Belo, Alemão (BBB), Eri Johnson, Latino, Jean Fercondini, Marcelo D2 e os pagodeiros do Revelação também arriscarão alguns chutes pela causa nobre.

Após o jogo, a partir das 19h, haverá uma autêntica roda de samba comandada pelo Revelação. A festa começa às 14h e os fãs interessados em assistir à partida, deverão trocar o ingresso por 1 kg de alimento não perecível.


domingo, 25 de novembro de 2007

Bonsucesso perde para o Bangu e dá adeus ao título

O Bonsucesso perdeu para o Bangu neste domingo, em jogo válido pelas semifinais do campeonato estadual de futsal, no ginásio da Rua Cõnego Vasconcelos. O placar de 9 a 2 refleta a superioridade do alvirubro, que vencera também a partida de ida, na Rua Teixeiria de Castro por 6 a 4.

Com o resultado o Bangu disputará a final, no próximo sábado (1/12), às 11 h, no ginásio do Clube dos Securitários, no Engenho de Dentro. A entrada é franca.

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Guanabara perde no TJD e Bonsucesso está fora da Segundona 2008

O TJD nesta noite (13) negou provimento ao recurso do Guanabara, que pedia a impugnação da partida jogada com o Bonsucesso no dia 3 de novembro (vencida pelo aurianil por 2 a 1) e o prosseguimento da partida interrompida, relativa ao mesmo confronto, em Araruama, quando a equipe da casa vencia por 3 a 0 (precisava fazer 5 a 0 para garantir a classificação) e o clube leopoldinense se retirou de campo; o que fez a FERJ realizar nova partida. A votação terminou empatada graças a uma abstenção e foi preciso o voto de minerva do presidente da seção para que se definisse o veredicto.

“Ainda não há nada decidido. Recorreremos até a última instância em busca dos direitos do Guanabara. Estamos nos preparando para ir ao STJD”, afirmou Diogo Souza, advogado do clube da Região dos Lagos.

Bonsucesso fora em 2008

[Em votação anterior, o Bonsucesso foi considerado culpado pela interrupção da partida disputada dia 10 de outubro na Arena Guanabara, em Araruama. Deste modo, o clube foi punido com a multa mínima prevista para a penalidade: R$ 10.000 (dez mil reais), perda dos pontos e está suspenso da Segundona de 2008, mas ainda cabe recurso.

Fonte: Futrio

sábado, 3 de novembro de 2007

Guanabara vence o Bonsucesso: 2 a 1

Resultado não agradou a nenhuma das equipes

Em jogo remarcado pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, na manhã deste sábado, no estádio Guilite Coutinho, em Édson Passos, a equipe do Guanabara derrotou o Bonsucesso pelo placar de 2 a 1. O resultado não agradou a nenhuma das duas equipes já que as mesmas, estão eliminadas da competição.

Logo aos 5 minutos, Douglas abriu o placar: Bonsucesso 1 a 0. Aos 41, Guido empatou a partida: 1 a 1.

Veio o segundo tempo e com ele, o gol da virada do Guanabara. Aos 38 minutos, Elmo de cabeça fez: Guanabara 2 x 1 Bonsucesso.




>>Guanabara:Lugão, Germano. Abílio, Paulo Roberto e Fábio; Diogo, Sérgio(Éverton), Guido(Thiago) e Kaio; Jones e William(Elmo).

>>Bonsucesso: Éverton, Domício,Tales, Dias e Rogério Corrêa; Paulo César, Tiago(Rafael), Douglas e Jean Carlo(Kemerson); Gilmar e Gomes.

Fonte: FERJ

Guanabra vence Bonsucesso por 2 a 1 e classifica Cardoso Moreira

A vitória do Guanabara por 2 a 1 sobre o Bonsucesso na manhã desta sábado (3), em partida remarcada pela FERJ, classificou o Cardoso Moreira para a terceira fase da competição.

Em Cardoso Moreira, aproximadamente 100 torcedores recebiam informações de diretores através de um rádio de comunicação e entravam na programação da rádio da cidade, no Posto e Restaurante Barracão, um dos points da torcida cardosense. Muitos fogos embalaram a comemoração.

Pouco tempo

Apesar da empolgação que contagia a cidade, o tempo é curto para comemorar. O Cardoso Moreira treinará neste domingo (4) e entrará em campo segunda-feira, às 16 horas, em casa, contra o Floresta de Cambuci.

Fonte: Futrio

Agora só em 2008!!!

O Bonsucesso caiu diante do Guanabara por 2 a 1 em Edson Passos nessa manhã quente no Rio de Janeiro. Com isso as duas equipes morrem abraçadas. O Guanabara precisava vencer por uma diferença de cinco gols para garantir a classificação e o Cesso necessitava da vitória, simples que fosse, porém nenhum dos resultados ocorreu.
Agora é torcer por uma boa campanha em 2008.

Daqui a pouco mais detalhes...

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Uma Vitoria Simples dará a Classificação para o Bonsuça !!

Em uma nova reunião realizada no final da tarde desta quinta-feira(01), após a decisão de reiniciar a partida aos 39 minutos do primeiro tempo com o placar de 3 a 0 para o Guanabara, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ) resolveu remarcar uma nova partida entre as equipes, a ser realizada neste sábado(03), às 10 horas, no Estádio Édson Passos com portões fechados.

Com esta decisão, o Bonsucesso poderá ficar com a vaga na fase final da competição dependendo apenas de uma vitória simples, enquanto o Guanabara precisa tirar uma diferença de no mínimo cinco gols para continuar sonhando com uma das cinco vagas no Campeonato Carioca da Primeira Divisão de 2008.

Restando ao Cardoso Moreira a torcida para que Bonsucesso não vença e o Guanabara não consiga tirar a diferença de saldo de gols.


Abaixo o comunicado:

ATO DA PRESIDÊNCIA N° 063/07

Considerando a decisão da Comissão Disciplinar B do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol do Estado do Rio de Janeiro, em relação ao jogo entre Guanabara EC x Bonsucesso FC, válido pela terceira rodada do returno da segunda fase do Campeonato da Segunda Divisão de Profissionais de 2007;

Considerando a possibilidade de ser alterada a classificação do grupo H, em função da decisão do TJD, o presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, em cumprimento a decisão do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol do Estado do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições estatutárias e com fulcro no art. 15, parágrafo único, c/c com artigos 33 e 38 do Regulamento do Campeonato Estadual da Segunda Divisão de Profissionais de 2007, e ainda com os artigos 49, III e 94 do Regulamento Geral das Competições;

RESOLVE:

1.Determinar que seja realizada, integralmente, no próximo sábado, dia 03 de novembro, às 10,00h nova partida entre as equipes do Guanabara EC x Bonsucesso Futebol Clube, válida pela 3ª rodada do returno, procedendo-se a correção da classificação do grupo H após o resultado desta partida;

2.Determinar que a partida acima mencionada, por motivo de segurança, seja realizada em campo neutro, com portões fechados, permitindo-se apenas a presença das pessoas diretamente envolvidas no evento, estabelecendo-se para tal o Estádio Giulite Coutinho (estádio do América FC), em Edson Passos, observadas as normas determinadas pelo regulamento da competição;

3. Determinar que poderão participar da partida ora remarcada, os atletas inscritos e registrados, na forma do regulamento, exceto os que tenham recebido cartão vermelho, 3° cartão amarelo e ainda os suspensos pelo TJD,

4.Adiar para o dia 5 de novembro de 2007, segunda-feira, às 15,00h, as seguintes partidas, válidas pela primeira rodada da terceira fase do campeonato em disputa:

Fonte : Futrio

Guanabara x Bonsucesso - 03/11 - 10:00 h - Portões Fechados !!

Seguindo determinações da Comissão Disciplinar B do Tribunal de Justiça Desportiva da FERJ, o presidente da entidade máxima do futebol carioca, Rubens Lopes da Costa Filho, através do ato da presidência nº 063/07 remarcou a partida Guanabara x Bonsucesso, que poderá alterar a classificação do Grupo H. No uso de suas atribuições e seguindo artigo 49, III e 94 do Regulamento Geral das Competições, o dirigente anulou o jogo do dia 27 de outubro, quando o Guanabara vencia por 3 a 0, até aos 44 minutos do primeiro tempo, e determinou que o mesmo aconteça integralmente neste sábado (3), às 10h, no Estádio Giulite Coutinho, em Edson Passos. A partida agora será em campo neutro e com portões fechados. Somente pessoas envolvidas diretamente com o evento terão acesso ao campo de jogo.
CAI-CAI E ABANDONO – Em seu estádio na Região dos Lagos, o Guanabara vencia por 3 a 0 e estava com um jogador a mais, pois o goleiro Everton, do Bonsucesso, havia sido expulso de campo aos 41 minutos. Logo depois, Badú, integrante da comissão técnica do time carioca, e o treinador Dário Lourenço entraram em campo para ofender o árbitro e mandar que três jogadores caíssem em campo (Willian, Rafael e PC), simulando uma contusão. Edílson esperou 30 minutos e encerrou a partida.
TJD indicou a conclusão - A Comissão Disciplinar "B" do Tribunal de Justiça Desportiva da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro decidiu, na manhã desta quinta-feira (1º), que a partida entre o Guanabara e o Bonsucesso deve ser concluída. O jogo, disputado no último sábado (27), foi interrompido aos 44 minutos do primeiro tempo, segundo relato do árbitro Edílson Soares da Silva na súmula.
No julgamento da manhã desta quinta-feira, o TJD orientou a direção da Ferj para que aplique o artigo 49 do Regulamento Geral de Competições 2007 e marque a continuação deste jogo. O Guanabara necessita de uma vitória com a diferença de cinco gols para se classificar para a próxima fase da competição.
De acordo com o texto do parágrafo segundo do artigo 49, quando ocorrer a interrupção até 30 minutos do segundo tempo, a partida será suspensa, sendo complementada no dia seguinte, no mesmo local, com a mesma contagem do momento de sua interrupção, com os mesmos atletas e a mesma documentação da partida suspensa, caso tenham cessado os motivos que a suspenderam.
Os artigos - O julgamento foi bastante movimentado. O Bonsucesso, que abandou o campo de jogo, teve os três atletas que simularam contusão indiciados no artigo 256 (desistir de disputar partida, depois de iniciada, por abandono de campo, simulação de contusão ou tentar impedir, por qualquer meio, o seu prosseguimento). A pena varia de 120 a 360 dias.
Já o técnico Dário Lourenço havia sido indiciado nos artigos 274 (invadir local destinado ao árbitro e auxiliares), com suspensão prevista de 120 a 720 dias, e 256 (parágrafo único - se a infração for praticada em virtude de cumprimento de ordem superior, ficará o autor da ordem sujeito à pena de suspensão de um a quatro anos).
Com relação aos clubes, o Bonsucesso foi indiciado no artigo 215 (deixar de apresentar a sua equipe em campo até a hora marcada para o início ou reinício da partida), com multa de R$ 5 mil por minuto que atrasar. Já o Guanabara foi incluído no artigo 205 (dar causa a não realização ou impedir o prosseguimento de partida), com multa entre R$ 50 mil a R$ 500 mil, perda de pontos em disputa a favor do adversário e proibição de participar do campeonato subseqüente da mesma modalidade. Mas como todos foram absolvidos, este é mais um episódio do futebol carioca que acaba em pizza.

Tiago Ferreira
Paulo Roberto Rodrigues


Fonte : Papo Esportivo

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Bomba!!! - Bonsucesso Vence no TJD

Bonsucesso se prepara para o confronto decisivo contra o Guanabara em Edson Passos


Hoje as 10h da manhã, a Comissão Disciplinar "B" do Tribunal de Justiça Desportiva julgou o recurso pedido pelo Bonsucesso. E no processo nº 614/07 foi declarado que os jogadores: Willian, Paulo César (PC), Gomes e o próprio técnico Dário Lourenço foram absolvidos e estarão em campo na partida entre Bonsucesso e Guanabara que foi remarcada para sábado, às 10 horas da manhã no campo do América em Edson Passos com portões abertos à torcida. A partida começará do zero.

Os jogadores e o técnico foram absolvidos através de provas de vídeo, fotos e documentos que ficaram juntos aos autos.

Em entrevista do diretor de futebol do Leão da Leopoldina ao programa da Rádio Carioca, "Carioca na Bola", o "cartola" destacou a defesa feita do tribunal em pró dos direitos que o clube buscava:

_ Devemos destacar o trabalho do nosso advogado Mário Bittencourt que mostrou a atitude do Bonsucesso diante do tribunal em busca dos nossos direitos.

Porém o trio de arbitragem que comandou a partida em Araruama permanecerá. Com isso o trio de arbitragem será: EDILSON SOARES DA SILVA e seus auxiliares, NALCY JOSÉ DA SILVA e NELSON SANTIAGO SALES. Apenas o árbitro assistente foi trocado pelo fato do Sr. Jorge Luiz Roque ter sido escalado pela CBF para o Campeonato Brasileiro da Série B no mesmo dia da realização da partida da segunda divisão carioca.

Esse julgamento foi presidido pelo auditor José Ricardo Elieser. O relator foi Dr. Carlos Pereira de Carvalho e os defensores : Pedro Villasbôas e Paulo Rubens.




--------------------------------------------------

Outras partidas foram remarcadas também pela Segundona, são elas:


16:00
INDEPENDENTE x MACAÉ - Estádio EXPEDICIONÁRIO

RESENDE x MESQUITA - Estádio TRABALHADOR
ARTSUL x CASIMIRO DE ABREU - Estádio do ARTUSL
RUBRO x PROFUTE - Estádio MOÇA BONITA

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Mario Bittencourt advogado do Bonsucesso pede os Pontos da Partida !

 O advogado do clube, Mario Bittencourt, garantiu que vai pedir os pontos do jogo, o que classificaria o time para a terceira fase.

“Estamos pedindo os pontos do jogo ou, na pior das hipóteses, um novo jogo, em campo neutro. Vamos entrar com queixa amanhã (hoje), devido aos episódios ocorridos no último sábado. Vou ver o vídeo para apresentar a defesa e lutar pelos direitos legítimos do Bonsucesso”, afirmou com convicção.

Decisão será do TJD

O vice-presidente de coordenação técnica da Ferj, Alcides Antunes, disse que a intenção é acatar a decisão que será tomada pelo TJD.

“Vamos aguardar o julgamento e acataremos a decisão que for tomada pelo TJD. As datas estão espremidas, mas vamos ter que dar um jeito. Se a decisão for um novo jogo ou o reiniício, a Ferj vai se preparar para qualquer que seja o resultado”, revelou.

Fonte : Jornal dos Sports

Guanabara mela temporariamente a segundona carioca

Rubens Lopes, presidente da FERJ.
Foto: Papoesportivo.com


Mais uma vez, o tapetão atinge o futebol do Rio de Janeiro. Dessa vez, o estadual da Segunda Divisão foi o alvo. Os jogos Independente x Macaé Esporte, Cardoso Moreira x Floresta, Resende x Mesquita e Duque de Caxias x Olaria desta quarta-feira (31), na abertura da terceira fase, foram suspensos pelo Departamento Técnico da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro por força de medidas judiciais. “Infelizmente tive de tomar essa atitude devido a uma liminar impetrada pelo Guanabara, que paralisa a competição, até o julgamento do mérito. Eles querem jogar novamente contra o Bonsucesso, pois alegam que foram prejudicados com o abandono de campo do adversário, aos 42 minutos do primeiro tempo, quando venciam por 3 a 0 e brigavam pela classificação. Uma lástima essa atitude antiesportiva do Guanabara, prejudicando o andamento do estadual e desrespeitando os coirmãos”, reclamou o presidente da federação Rubens Lopes .


Com a vitória do Olaria sobre o Cardoso Moreira (1 a 0) - outro jogo do grupo -, no último final de semana, pela rodada final da segunda fase, o Guanabara não se classificou. O time guanabarino precisava vencer por cinco gols de diferença e tirar a vaga do Cardosão. Cartolas do Guanabara acham que isso seria possível, pois o Bonsuça estava com menos dois jogadores em campo. O pedido do Departamento Jurídico do Guanabara é que a partida possa prosseguir a partir do momento da paralisação.


Além do recurso jurídico do Guanabara, o Bonsucesso, alegando falta de segurança no Estádio Arena Guanabara, na partida do último sábado (27), também entrou com recurso no TJD da Ferj querendo os pontos do jogo. "Nós abandonamos o campo devido à falta de segurança e para preservar a integridade física das pessoas. A Guarda Municipal estava agindo de forma truculenta contra o pessoal do Bonsucesso. Dois integrantes da nossa delegação foram à delegacia fazer o boletim de ocorrência, pois foram agredidos", denunciou Jaider Moreira, homem-forte do Bonsucesso. "No jogo contra o Olaria aconteceu a mesma coisa e a confusão no final da partida teve consequências graves. Pessoas sairam de campo com traumatismo craniano. Para evitar o pior, resolvemos abandonar a partida antes", acrescentou Jaider Moreira.


>> No tribunal - O julgamento dos dois processos acontecerá nesta quinta-feira (1), no TJD da federação, mas nada garante que a competição possa prosseguir no próximo sábado (3). As duas diretorias prometem recorrer ao STJD da CBF, caso percam na esfera estadual. O Cardoso Moreira, o terceiro interessado no caso, poderá recorrer caso perca a vaga nos tribunais. Essa confusão toda pode afetar a Primeira Divisão de 2008 cujo início está previsto para 16 de janeiro. Segundo o Estatuto do Torcedor, a tabela e regulamento têm de estarem prontos 60 dias antes de a bola rolar.


Fonte: Papoesportivo.com

Rodada é suspensa

Um recurso do Guanabara impetrado hoje exigindo o cumprimento da partida interrompida contra o Bonsucesso sábado em Araruama foi razão da paralização do campeonato. O recurso da equipe auri-anil deve ser julgado na quinta-feira.

Dirigentes do Bonsucesso afirmaram que o clube também impetrará um recurso, exigindo os pontos da partida e alegam falta de condições de realização de jogos na Arena Guanabara por conta do tumulto.

Em Cardoso Moreira o clima é de apreensão: "Não podemos ser prejudicados por causa de uma confusão que envolve outras equipes", afirmou Paulo Robero Siqueira, Diretor Administrativo.

A FERJ divulgará como será a continuidade da competição após o julgamento.

Fonte: Futrio

terça-feira, 30 de outubro de 2007

Bomba !!! - BOATOS - Bonsucesso consegue paralisar a Segunda Divisão !!

Circulam boatos na Internet que o Bonsucesso ganhou a liminar para paralisar a Segunda Divisão ! Por motivos de ''roubos'' em Araruama, mas ainda nada confirmado !

Mais notícias em Breve !!

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Diretores do Rubro-Anil tentarão a anulação da partida !

O Campeonato Estadual da Segunda Divisão do Rio tem apresentado várias situações inusitadas, mas neste sábado algo de diferente aconteceu. A equipe do Guanabara jogava contra o Bonsucesso e vencia por 3 a 0, em casa e com dois jogadores a mais , quando aos 42 minutos do primeiro tempo, a equipe carioca, por ordem de seus diretores se retiraram do campo.

Segundo o supervisor de futebol do Bonsucesso Ricardo Alves, essa atitude drástica foi tomada em protesto a arbitragem do juiz Edilson Soares da Silva, e por falta de segurança para a comissão técnica e os atletas. Logo após esse fato o responsável pela condução do jogo aguardou os trinta minutos regulamentares e como a equipe não retornou ao campo, encerrou a partida.

- Essas decisão foi tomada por falta de segurança, por isso nos tiramos o time, pois não havia mas condições. Dois membros da nossa comissão técnica foram agredidos pela policia e tiveram até que prestar queixa na delegacia, não tinha a mínima segurança para continuar.
Perguntado sobre a primeira alegação do time, de que tinham se retirado de campo como uma forma de protesto contra os erros do juiz Edilson Soares da Silva, ele comenta que a saída da equipe também foi por este motivo.

- Com a arbitragem também. Gol anulado, impedimento, ele intimidou todos os nossos jogadores, acontecia a falta, e ele ria para a da cara dos nossos jogadores. Até a diretoria do Guanabara concorda. Isso tudo foi armado pelo senhor “Michael Jackson” e o senhor Roberto Faustino que foi o delegado da partida.

Para esse diretor toda essa situação foi armada pelo árbitro. Além disso, ele cita que este mesmo árbitro já teve conflitos com o clube do Bonsucesso no ano.

- Foi o que eu falei no dia anterior, ele já teve problema com agente ano passado, ele já tinha prejudicado o nosso time na reta final, no ano passado, e hoje nos prejudicou de novo. Gol nosso legítimo anulado, pênalti que não existiu, expulsão que não houve, ele se superou.

Por tudo isso a equipe do Bonsucesso, juntamente com sua diretoria e advogados, esperam recorrer à justiça sobre esse jogo que para eles foi mal conduzido. E, por conseguinte conseguir a anulação da partida.

- Vamos procurar nossos direitos para realizar uma nova partida. Porque não deve dois terços da partida. Foi aproximadamente aos 35 minutos, do primeiro tempo. – Finalizou Ricardo Alves supervisor de futebol do Bonsucesso.

Autor: Felipe Oliveira
Fonte: http://www.oresultado.blogspot.com

Indignação em vermelho e azul !

           
                                   Após a Confusão em Araruama !             
                                         
Foto: André Queiroz        
                 
A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) deve se pronunciar hoje a respeito da partida de sábado, entre Guanabara e Bonsucesso, disputada em Araruama, pela Série B Rio. O Guanabara vencia por 3 a 0 quando o time suburbano abandonou o campo por determinação de sua diretoria.

O árbitro Edilson Soares da Silva, após esperar os 30 minutos previstos em regulamento, encerrou o jogo. Os dirigentes do Guanabara prometeram entrar na justiça, já que sua equipe ficaria com a vaga se obtivesse uma goleada, e esperam que o restante da partida seja disputado. Mas a diretoria do Bonsucesso também reclamou dos incidentes ocorridos em Araruama.

"Não vimos problemas no lado esportivo, mas o árbitro prejudicou demais o Bonsucesso. Quando estávamos perdendo por 2 a 0, o Edilson (Soares da Silva) anulou um gol legítimo nosso. Pouco depois, após um lançamento em profundidade, um atacante do Guanabara tropeçou no nosso goleiro e ele marcou pênalti. Nossos jogadores foram reclamar com o árbitro, coisa normal em futebol, e foram agredidos por integrantes da Guarda Municipal de Araruama, todos armados com cacetetes", disse o diretor de futebol do Bonsucesso, Cláudio Menezes, ao JORNAL DOS SPORTS.

Só três PMs

O dirigente rubro-anil disse que a decisão de tirar o time de campo foi sua, em comum acordo com o técnico Dário Lourenço. "Já fizeram uma covardia com o Olaria quando ele jogou lá, por isso resolvemos tirar nosso time de campo. Havia somente três PMs no campo e o sargento até me disse que, caso eu quisesse, chamaria reforço, mas aleguei que não haveria tempo para isso. Os integrantes da GM de Araruama ficaram durante todo o jogo ao lado do nosso banco, numa forma de pressão. Entregamos o caso ao nosso departamento jurídico, que deve se pronunciar hoje", disse o diretor do Bonsucesso, que preferiu não antecipar a posição oficial do clube suburbano.

Fonte : Jornal dos Sports

domingo, 28 de outubro de 2007

“Tira o time de campo. Não agüentamos mais essa perseguição”

Para diretor de futebol do Bonsucesso a decisão de retirar o time de campo foi acertada e revela que o presidente do Guanabara apoiou a atitudeNo jogo valido pela última rodada da terceira fase do Campeonato Estadual da Segunda Divisão do Rio, onde o Guanabara enfrentou o Bonsucesso, em casa. Essa partida ficou marcada pela saída do clube carioca do jogo aos 40 minutos, por ordem do presidente do clube.

Em entrevista exclusiva ao LANCE! o diretor de futebol do Bonsucesso tenta explicar o que gerou essa atitude e por que foi tomada.

Primeiramente ele revela que o jogo já foi marcado por problemas. Para ele o jogo foi marcado muito próximo do último do Bonsucesso que foi jogado na quita-feira, em razão das fortes chuvas que assolaram o Rio de Janeiro na quarta-feira.

O jogo desde o inicio foi marcado com menos de 72 horas, foi um jogo já com muita pressão, e nós pedimos para a federação, que o nosso jogo de quarta foi adiado para quinta, que colocassem a rodada do nosso grupo para domingo, para todos terem 72 horas de descanso o que é normal até porque o campeonato é quarta e domingo, já há uns três meses assim em um ritmo frenético.

Para o diretor o Bonsucesso também vem sendo prejudicado pela arbitragem desde o início do campeonato. Segundo ele neste sábado a situação não foi diferente.

- Em nossos jogos temos sido muito perseguidos pela arbitragem, e hoje houve tanta confusão no jogo, tiveram dois gols impedidos, nós tivemos um gol lícito e ele anulou o nosso gol e logo em seguida deu um pênalti contra nós, após esse pênalti aconteceu uma confusão, e o campo foi invadido pela guarda municipal, que agrediu dois dos nossos preparadores físicos, e colocaram até um cachorro em cima deles, foi uma pressão danada.

Com todos esses fatos, ele revela de quem foi a ordem de retirar o time de campo e com qual objetivo seria.

- Diante de tantos fatos contra nós, o presidente do Bonsucesso e o presidente do conselho do Bonsucesso pediram para tirar o time de campo, como forma de protesto e como forma buscar os nossos direitos, e também agente já estava jogando com 46 horas depois do outro jogo. Mas sobre protesto, porque já tínhamos pedido para não fazerem isso, e que estavam ferindo o regulamento e regra do jogo, mais mesmo assim eles intransigentes como sempre, nos colocaram para jogar neste sábado.

E hoje o presidente do Bonsucesso senhor Ari Amanso, o presidente do conselho, senhor Claudio Meneses falaram: tira o time do campo, eu não agüento mais isso, vamos protestar vai ser a nossa forma de chamar a imprensa de tudo isso que está acontecendo. “Tira o time de campo. Não agüentamos mais essa perseguição, essa covardia que estão fazendo com o futebol do Rio de Janeiro”

Continuando a falar sobre o sentimento que o Bonsucesso possui de ser perseguido pela arbitragem ele diz:

- No jogo contra o Bangu que eu briguei, e nos final viram que agente tinha razão, mais já tirou o nosso mando de campo e colocaram agente para jogar em Resende, tivemos que engolir isso, tivemos que aceitar essa situação.O senhor “Michael Jackson” não apitava no futebol a um tempo e colocaram para apitar a primeira vez naquele jogo do Bangu lá com agente e hoje voltou de novo, o senhor Robertinho, delegado do jogo que foi o responsável junto com o arbitro naquele jogo,para dar o WO no Bonsucesso foi no jogo do Bangu lá que nós empatamos a “duras penas” , porque a imprensa ainda estava no campo naquele dia, e hoje no site da federação nós consultamos, e o delegado do jogo era uma outra pessoa, e quando chegamos ao estádio tava lá o Robertinho, figura conhecida, que sempre persegue o Bonsucesso. Estamos indignados todos, diretores, jogadores, comissão técnica, pessoas que estavam presentes no estádio. E como uma forma de protesto abandonamos o campo no final do primeiro tempo, e vamos aos tribunais novamente, para buscar justiça sobre o que ocorreu.

Concluindo ele fala que recebeu um telefonema de apoio do presidente do Guanabara e comenta sobre as medidas que o Bonsucesso irá tomar.

- Eu tenho certeza que até o Guanabara que estava sendo beneficiado, não concordou com aquilo. Eu recebi um telefonema do presidente do Guanabara solidário dizendo: se fosse eu, teria feito a mesma coisa.Nessa semana vamos entrar com um mandato de garantia pedindo para ter um próximo jogo e pedindo para o departamento jurídico o senhor Mario Bitencourt vai tomar as medidas para fazer valer o direito do Bonsucesso.Vamos resolver nos tribunais, vamos pedir para a imprensa e todas as pessoas de bem acompanharem esse fato.

Autor: Felipe Oliveira
Fonte: http://www.oresultado.blogspot.com


FERJ: Mais fácil apitar no Maracanã que na Seletiva

Veja como esse "Michael Jackson" é todo complicado:

Não é fácil apitar sete finais de Estadual, no Maracanã, com todas as câmeras em cima e repercussões fortes sobre cada decisão tomada pelo árbitro. Mas pode ser muito pior trabalhar num estádio quase vazio, sem imprensa cobrando, e numa competição que ninguém sabe se vale. É o que pensa o experiente árbitro Edílson Soares da Silva, o Michael Jackson, figurinha fácil nas finais dos Estaduais do Rio.

- Apitar a Seletiva é pior. As condições dos estádios são ruins, a segurança quase sempre é insuficiente, corre-se mais riscos. Numa final, no Maracanã, são dois grandes, quem perder estará lá de novo no ano seguinte. A Seletiva é uma busca de um clube para sair de uma situação difícil, é todo um futuro que está em jogo - diz o árbitro.

28.11.06
Autor: Ricardo Gonzalez
Fonte: Globoesporte.com

BOMBA!!! Mais notícias... (Guanabara X Bonsucesso)

Edílson já apitou muitas finais e sofreu na Seletiva
Foto: Globo.com


De acordo com o Jornal Lance!, publicado no mesmo dia da partida entre Guanabara e Bonsucesso (27 de Outubro de 2007), a diretoria do Rubro-Anil não estava satisfeita com a escolha da arbitragem pela FERJ.

Leia o que a matéria divulgou:

" Pelo G (grupo), o Bonsucesso se classifica se vencer o Guanabara em Araruama, mas teme que ocorram problemas no seu jogo. O Clube reclama do processo de escolha do trio de arbitragem. Segundo o supervisor Ricardo Alves, não houve transparência por parte da Federeação:
_ a FERJ não sorteou o trio de arbitragem. O árbitro foi escolhido, Edilson Pereira de Carvalho, às escuras. Coincidentemente, é alguém que nos prejudou no passado."

* O Lance! divulgou o nome do árbitro errado. O correto seria Edilson Soares da Silva, o Michael Jackson.

Seria um presságio ou uma premonição do supervisor de futebol? Aguardaremos o desfecho de mais uma novela da Segunda Divisão do futebol Carioca.

EXCLUSIVO - A SELETIVA 2006 É VÁLIDA!

O NA REDE recebeu no final da noite deste sábado, por volta das 23:00 horas, a informação extra-oficial de que a Justiça teria dado causa ganha a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), no caso envolvendo a Seletiva 2006.

Nenhum dirigente foi localizado, principalmente devido ao horário, para falar diretamente do assunto, mas o que se sabe é que os ligados ao Macaé Esporte e ao Goytacaz, que junto de Bangu e Olaria são os grandes interessados na questão, já estariam cientes e buscando informações mais concretas do caso.

A Justiça ainda não havia dado o parecer final na ação que a Ferj impôs, e portanto, o caso ainda estava sendo analisado nos Tribunais. Uma semana antes de o Campeonato da Segunda Divisão ter início, a ação que foi julgada improcedente foi a do Goytacaz F.C., quando perdera em última instância.

Se confirmada essa informação o regulamento da competição que está em andamento não sofrerá nenhum tipo de mudança, já que no mesmo consta de forma bem clara que se o mesmo viesse a acontecer, ao invés de cinco clubes, apenas um teria acesso a 1ª Divisão de 2008, além de Bangu, Macaé, Olaria e Goytacaz, que neste mesma ordem se classificaram nas quatro primeiras colocações da Seletiva de 2006.

O NA REDE estará buscando maiores informações para poder informar melhor aos seus leitores e aguardando detalhes de mais um capítulo dessa `novela` que parecia ter chegado ao fim.

Fonte: www.jornalnarede.com.br

Bonsucesso x Guanabara nao acaba !

Pelo Grupo G, o Guanabara, jogando em casa, precisava golear o Bonsucesso e torcer por uma derrota do Cardoso Moreira diante do Olaria. E a equipe de Araruama começou o jogo de forma arrasadora, e aos 42 minutos do primeiro tempo, já vencia por 3 a 0. Foi quando integrantes da comissão técnica do Bonsucesso invadiram o campo para reclamar da arbitragem. E a equipe, que já estava com dois jogadores expulsos, abandonou o campo. O árbitro Edilson Soares da Silva aguardou os trinta minutos para que o time voltasse à campo, como consta no regulamento, mas como não retornou, ele encerrou a partida causando muita indignação em Araruama.

O advogado do Guanabara, Rogério Derby, afirmou que aguarda uma posição da FERJ em relação ao caso, e espera a marcação de uma nova data para que a partida recomece.

“A nossa expectativa é grande, a Federeção já deu mostra de bom senso quando remarcou o jogo entre Bonsucesso e Bangu. Queremos apenas a continuidade dessa partida.” disse esperançoso.

Fonte : Jornal dos Sports

sábado, 27 de outubro de 2007

Superação na Bariri e decepção em Araruama

Bonsucesso se prepara para encarar o Guanabara em Araruama
Foto: André Queiroz

(Enviados Especiais) - Renan de Moura e Ricardo Oliveira

Em um jogo de ataque contra defesa no segundo tempo, o Olaria garantiu a classificação vencendo o Cardoso Moreira por 1 a 0, gol de Alan aos 47 minutos da segunda etapa.

O jogo teve um atraso de vinte minutos. O time da zona norte começou atacando com Nielsen em uma cobrança de falta na qual o goleiro Macula executou uma excelente defesa. Enquanto o time da casa pressionava o adversário, a torcida do Ola pressionava seu próprio time, pois o tempo passava e como o Guanabara vencia o Bonsucesso, a vaga estava se dilatando.

O Cardoso Moreira só assustou a meta de Vinicius aos 31 minutos, quando a zaga saiu jogando errado e entregaram a bola de bandeja para Léo Santos que bateu, mas o goleiro pegou.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o Olaria pressionou com seguidos escanteios cobrados por Thiago Valderrama e quase Sillas abriu o placar. Porém o primeiro tempo acabou na igualdade de 0 a 0.

No segundo tempo, o Olaria partiu pra cima, buscando o gol da vitória. O destaque da partida foi o goleiro Macula, do Cardoso Moreira que evitou uma goleada.

A sorte também esteve ao lado do time da Bariri. Em um contra-ataque, Neném, Ex-Botafogo, pegou de primeira e a bola explodiu no travessão. Após essa jogada, o Alvianil acordou de vez para o jogo e no fim, aos 47 minutos, o árbitro Ubiraci Damásio marcou falta próximo a entrada da área. Alan cobrou com perfeição no canto esquerdo do goleiro que nada pôde fazer. 1 a 0. O gol da vitória e da classificação do Olaria, mas.......




(Enviado Especial) - André Queiroz

Cerca de 20 torcedores saíram daqui com destino a Araruama para apoiar o Bonsucesso na última partida da 2ª fase contra o Guanabara. Embarcamos às 12 horas em frente ao Bonsucesso Futebol club. Chegamos lá as 14 horas.

Durante essas duas horas que antecederam o jogo, ficamos em um sol escaldante aguardando o início da partida. Sem contar que a ambulância demorou 25 minutos para chegar ao estádio.

Quando a bola rolou, o árbitro Edilson Perreira de Carvalho assinalava tudo que existia e não existia para o Guanabara (essa é minha visão crítica). Com apenas 3 minutos de jogo, o Guanabara havia marcado o primeiro gol em um bate e rebate na área Rubro-anil na qual a redonda entrou chorada no gol de Everton.

Entre o intervalo do primeiro para o segundo gol do Guanabara, o árbitro assinalou no mínimo quatro cartões amarelos para a equipe da Zona norte.

Logo após veio o segundo golpe. O lateral da equipe alvianil passou pela esquerda e cruzou para de carrinho o atacante colocar para o fundo do gol. Everton saiu atrasado.

Mesmo com o placar desfavorável, os jogadores do Cesso não baixaram a cabeça e partiram pra cima. Em um cruzamento da direita, Rafael Rebelo dividiu com o goleiro e marcou, entretanto, Mickael Jackson, árbitro da partida, marcou falta no goleiro. Contato físico há no futebol!!!

Depois ocorreu o 3º gol: O Guanabara envolveu o Bonsuça em troca de passes rápida. A bola sobrou para um dos atacantes do time da casa que driblou Everton e na marcação da força máxima do jogo, foi penalti e expulsão para o goleiro (não vi a necessidade da expulsão). O goleiro reserva, Lourenço, assumiu o posto, mas nada pode fazer. 3 a 0.

Para piorar a situação, o zagueiro Gomes foi expulso por reclamação.

Após a goleada sofrida em menos de 40 minutos de jogo a ira da diretoria foi colocada em prática pela má arbitragem da partida. Os ânimos se exaltaram, e a confusão se generalizou. Segundo o diretor de futsal do clube da Leopoldina,Sr. Luiz, o diretor de futebol, Jaider Moreira, prestou queixa na delegacia sobre o ocorrido no estádio do Guanabara.

Por fim, a volta para casa foi tranquila apesar da revolta dos torcedores e chegamos em nosso bairro às 19:30.

O Bonsucesso entrará com recurso no TJD contra o árbitro, Edilson Perreira de Carvalho, vulgo Michael Jackson e a favor da anulação da partida. Já o Guanabara correrá atrás de seus direitos também.
Daqui a pouco a ficha geral das duas partidas...
-------------------------------------------
Os componentes do "Blog dos Fanáticos pelo Cesso" estão de parabéns pela cobertura do Grupo G nesta última rodada e por todo campeonato. Esperamos que o Bonsucesso prossiga na competição, mas caso essa seja uma das últimas postagens, cumprimento todos que colaboraram com esse meio de comunicação que divulgou um pouco da trajetória do Leão da Leopoldina em 2007 no Campeonato Carioca.
Obrigado. Saudação Rubro-Anil!!!

Plantão - 3º Rodada do Returno.

Em partida válida pela terceira e decisiva rodada do returno da 2º fase do Campeonato Carioca da Segunda Divisão, o Olaria conseguiu a classificação no último minuto de jogo, após vencer o Cardoso Moreira em casa por 1 a 0. O gol sofrido saiu aos 47 minutos do segundo tempo, com Alan batendo falta no ângulo direito do goleiro Macula. Com esta vitória, os bariris garantiram a liderança do grupo G e o Cardoso Moreira caiu para o segundo lugar, também se classificando, após empatar em saldo de gols com o Guanabara.

Mas Este grupo terá problemas no TJD. Pois o então Guanabara, vencia o Bonsucesso por 3 a 0 jogando em casa, com dois jogadores a mais , quando aos 42 minutos do primeiro tempo, o time visitante saiu de campo em protesto a arbitragem. O Juiz Edilson Soares da Silva aguardou os trinta minutos como consta no regulamento e como a equipe não retornou ao campo, encerrou a partida causando muita indignação em Araruama.

"Não deixaremos isso barato, vamos entrar na justiça porque o que fizeram com a gente é muita sacanagem. Bonsucesso é um time covarde e seus dirigentes são sem cárater", esbravejou o técnico do Guanabara, Ruy Mendes.

Fonte: www.srzd.com.br/futrio

Arbitragem

Olaria X Cardoso Moreira: UBIRACI DAMASIO DE OLIVEIRA / JOSÉ ORLANDO HORTÊNCIO GOMES / RONALDO ANTONIO VERDIANO / CARLOS MANOEL CALHEIROS FARIA.

Bonsucesso x Guanabara: EDILSON SOARES DA SILVA / JORGE LUIZ ROQUE / NELSON SANTIAGO SALES / ALEXANDER RODRIGUES DA SILVA


As duas partidas começarão as 16 horas.

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Jogos serão neste Sábado !!!



-------------------------------------------------------------


Guanabara x Bonsucesso - em Araruama

27/10 - 16:00


O vice-presidente de coordenação técnica da Ferj, Alcides Antunes, afirmou que não existe a menor chance de o pedido de alguns clubes de passar os jogos de amanhã para domingo, uma vez que o fato que causou o adiamento dos três jogos foi decorrente de um fenômeno da natureza e não de uma decisão da Ferj.

“Infelizmente não temos como mudar as datas, já que o calendário está apertado demais. O temporal que caiu no Rio, deixou alguns campos impraticáveis e a previsão é que a chuva vai ficar até a próxima terça-feira. E isso não é culpa da Federação. Existe o estatuto do torcedor e temos que cumpri-lo. Se não tivesse caído essa chuva, os jogos teriam acontecido normalmente na quarta-feira”, revelou Alcides Antunes.



Fonte : Jornal dos Sports

Apoiador Sassá vive tarde de herói !


Sassá vai comemorar com o Willian (D), após marcar o segundo gol !

------------------------------------------------------------


A vitória sobre o Olaria foi bastante comemorada após o jogo, já que o Bonsucesso retornou à zona de classificação. O herói foi o apoiador Alex Sassá que fez o gol da vitória, deixando mais aliviado o time para o difícil compromisso com o Guanabara, em Araruama, amanhã, às 16 horas, no Estádio Mario Castanho.

“Tive a felicidade de fazer esse gol que é muito importante para o nosso grupo. Agora não teremos nem tempo para comemorar, pois vou sair daqui, fazer uma banheira de gelo, e depois concentrar para outra pedreira que será o Guanabara. Sabemos que demos um passo, mas o último jogo, será “o jogo”. Agora só dependemos de nós mesmos e isso é o mais importante”, disse o entusiasmado apoiador Sassá.



Fonte : Jornal dos Sports

Detalhes sobre a Vitória !

O lateral Bruno Luiz avança ao ataque sob a marcação do apoiador Nielsen



--------------------------------------------------------------


O clássico da Leopoldina honrou a sua tradição e foi emocionante. Num jogo muito disputado do início ao fim, o Bonsucesso venceu o Olaria por 2 a 1, no Estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador, e voltou à zona de classificação para a terceira fase do Campeonato Carioca da Série B.

Já o Olaria caiu do primeiro para o terceiro lugar (sete pontos, saldo zero e quatro gols pró), enquanto o Leão da Leopoldina está em segundo (sete pontos, saldo zero e cinco gols pró), no Grupo G.

Debaixo de muita chuva, o jogo começou a todo vapor. Precisando desesperadamente da vitória, o Bonsucesso tentava o gol, enquanto o Olaria chegava sempre com perigo à meta de Everton. A primeira chance de gol foi do clube da Bariri. Nielsen avançou e na altura da intermediária chutou forte, obrigando Everton a fazer difícil defesa.

A resposta do Bonsucesso foi fatal. Aos 12 minutos, Sassá cruzou da esquerda para Jean Carlos que testou firme, no canto direito de Vinicius, 1 a 0. Em desvantagem, o Olaria se lançou ao ataque e Léo, tentando explorar o gramado escorregadio, chutou de longe, mas Everton com a pontinha dos dedos jogou para escanteio.

No entanto, na seqüência não teve jeito. Allan fez bela jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para Bruno que, de chapa, não perdoou, 1 a 1. Aos 45minutos, quase o vira-vira do Olaria. Marcos entrou livre e na saída de Everton tentou jogar por cobertura. O goleiro espalmou e no rebote Silas tentou o drible, mas Everton foi mais rápido e defendeu.

Gol de Sassá

Na etapa final, o Bonsucesso atacava desordenado e o Olaria desperdiçava boas chances errando as finalizações. Mas aos 32 minutos surgiu o nome do jogo. No escanteio pela esquerda, Jean Carlos cobrou na medida para Sassá que se antecipou à zaga e de cabeça marcou o gol da vitória. Daí para frente inverteram-se os papéis. O Olaria tentava o gol, enquanto o Bonsucesso jogava no contra-ataque. No final, o time da Leopoldina comemorou o suado resultado.

Fonte : Jornal dos Sports

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Ficha Geral:

Bonsucesso abre o placar em um jogo dramático até os momentos finais
Foto: André Queiroz



Bonsucesso 2 x 1 Olaria

Estádio Luso Brasileiro

Horário: 15h



Arbitragem: Árbitro: Agnaldo Xavier Farias. Auxiliado por: Dibert Pedrosa Moises e Marcos Tadeu Peniche Nunes. O 4º árbitro foi: Felipe Gomes.



>> Bonsucesso: Éverton, Bruno Luis (Tiago), Tales, William, Gomes, Cabral (Marquinhos), Valdiram, Alan (Douglas), Edvaldo, Sassá. Técnico: Dário Lourenço



>> Olaria: Vinicius, Ivan, Flávio, Jordan, Marcos, Silas, Nielsen (Thiago Sá), Leonardo, Bruno (Rodrigo), Tiago (Everton), Allan. Técnico: Toninho Andrade.



Gols: Jean Carlo aos 12' (Bonsucesso) e Bruno aos 20' (Olaria) - 1º tempo

Sassá aos 30' (Bonsucesso) - 2º tempo



Cartão Amarelo: Sassá e Tales (Bonsucesso) / Thiago Sá (Olaria) - *Jogadas Bruscas

Sessão Fotos: Bonsucesso X Olaria


Vejam as fotos do jogos dessa tarde no estádio Luso Brasileiro e como estava o campo do Bonsucesso nessa manhã:




O campo estava com boas condições para o clássico, porém a FERJ decidiu transferir a partida para o estádio Luso Brasileiro na Ilha do Governador.

----------------------------------------------------------------------------




Momentos antes da bola rolar, o céu nublado previa chuva para o jogo

----------------------------------------------------------------------

A TOB enfim criou sua faixa de apoio à equipe da Leopoldina

-------------------------------------------------------------------------


Bandeira Rubro-Anil que cobriu boa parte das cadeiras da arquibancada na Ilha



-----------------------------------------------------------------------------



Bonsucesso vence e sobe para a segunda colocação no Grupo G

Fotos: André Queiroz

Como se classificar ?

Resultados da rodada:
Cardoso Moreira 2 x 0 Guanabara
Bonsucesso F . C 2 x 1 Olaria A . C
--------------------------------------------------------------------
Ná próxima rodada, o Bonsucesso vai a Araruama encarar o "lanterninha" Guanabara, já na outra partida, o Olaria joga com o apoio de sua torcida, diante do líder Cardoso Moreira.
O que o Bonsuça precisa fazer para se classificar ?
Em caso de vitória do Bonsucesso:
Se vencer, o Bonsucesso estára classificado, independente do resultado do jogo entre Olaria e Carsodo Moreira, pois somará 10 pontos, o mesmo número de pontos que pode ser alcançado pelo Olaria, em caso de vitória sobre o time de Araruama, deixando o Guanabara e o Cardoso para trás, se o "Doso" vencer, somará 11 pontos e se classificará juntamente com o Rubro - Anil que terá 10 e se der empate na partida realizada na Bariri, o Bonsuça permanecerá na frente do rival Olaria.
Em caso de empate do Bonsucesso:
Se empatar, a situação irá se complicar para o Bonsuça, pois dependerá totalmente do jogo na Bariri. Se o Olaria vencer, o Bonsucesso será eliminado. em caso de empate entre Ola e Doso, o Bonsucesso conseguirá avançar na competição e também se classificará se o Cardoso vencer o alvi - anil da Leopoldina.
Em caso de derrota do Bonsucesso:
Se perder, o Bonsucesso estará fora do campeonato, este é o único resultado que não serve ao rubro-anil. Perdendo para o Guanabara, o Bonsucesso nem precisará depender do jogo na Bariri para tentar se classificar, pois o time de Araruama passará o número de pontos do Bonsucesso, tornando impossível sua classificação.
FORÇA, BONSUCESSO

Classificação e Resultados dos jogos de hoje !

1º - Cardoso Moreira - 8 pontos - 5 jogos - 2 vitorias - 2 empates - 1 derrota - SG : 3

2º - Bonsucesso - 7 pontos - 5 jogos - 2 vitorias - 1 empate - 2 derrotas - SG : 0 - GP : 5

3º - Olaria - 7 pontos - 5 jogos - 2 vitoria - 1 empate - 2 derrotas - SG : 0 - GP : 4

4º - Guanabara - 5 pontos - 5 jogos - 1 vitoria - 2 empates - 2 derrotas - SG : - 3


Resultados da Rodada :


Bonsucesso 2 x 1 Olaria


Proximo Jogo :


27/10 - 16:00 - Guanabara x Bonsucesso - Araruama

CESSO!!!! CESSO!!!!


DAQUI A POUCO MAIS DETALHES...

Bonsucesso vence Olaria na Ilha por 2x1 !!!!!!

Alex Sassá comemora o gol da vitória



Bonsucesso vence Olaria na Ilha por 2x1 com gols de Jean Carlo e Sassá


Mais Informaçoes em Instantes !!

Artilharia

9 gols – Roberto (Macaé Esporte);

8 gols – Bruno Meneghel (Bréscia);

7 gols – Pipico (Floresta), Diogo (São Cristovão) e Raphael (Resende);

6 gols – Jordan (Independente);

5 gols – Rafael Rebelo (Bonsucesso), Dudu (Duque de Caxias), Nado (Floresta), Allan Barreto (Olaria), William (Portuguesa), Alex (Resende) e Capixaba (Mesquita);

4 gols – Gilmar (Bonsucesso), Edivaldo (Duque de Caxias), Magal e Celso Ney (Floresta), Wallacer e Anderson (Macaé Esporte), Alex Faria (Mesquita), Denilson (Silva Jardim) e Fábio Tosca (Cardoso Moreira).

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Clássico Remarcado



A partida foi remarcada pela falta de condições do campo para que a bola pudesse rolar nesse dia chuvoso que castiga o Rio de Janeiro.


No programa "Carioca na Bola" da Rádio Carioca, o técnico do Olaria, Toninho Andrade gostaria que o jogo ocorresse hoje porque para sua equipe um empate estaria de bom tamanho:


__ O campo estava com várias poças, mas poderia nos favorecer, porque um empate seria bom e tendo um jogo pesado e amarrado facilitaria.


O técnico do time da Bariri apontou problemas no planejamento de seu time devido o adiamento do confronto:


__ Como a partida não pôde ser realizada hoje, isso atrapalhou nosso planejamento. Estávamos na concentração e agora teremos que retomar o pensamento para a partida novamente.


Após a vitória do Cardoso Moreira por 2 a 0 diante do Guanabara nesta tarde, o Bonsucesso se vê obrigado a vencer tanto o jogo de amanhã como a partida contra o Guanabara em Araruama, e torcer por um empate ou vitória do Cardoso Moreira diante do Olaria na próxima rodada para garantir uma das vagas no Grupo G.

Estátisticas: O Olaria leva uma pequena vantagem nos confrontos diante do Rubro - Anil. São 28 vitórias para a equipe da Bariri, 22 derrotas e 25 empates.

Fotos do alagamento no Estadio Leônidas da Silva !

Vejam a situação do campo:

Campo cheio de poças impossibilitando o jogo entre Bonsucesso X Olaria
---------------------------------------------------

Chuva que castiga o Rio de Janeiro prejudica o clássico do subúrbio

Bonsucesso x Olaria - Adiado por causa da chuva !

Sem condições de jogo no estádio Leônidas da Silva por causa da chuva , a partida entre Bonsucesso x Olaria foi remarcada para amanhã dia 25/10 as 15:00 no estadio da Portuguesa na Ilha do Governador.

 
Mais Informações em breve ...              
 


Fonte = FERJ

Ficha Geral:

Cardoso Moreira 2x0 Bonsucesso
Data: 20 de outubro de 2007
Estádio: Antonio Ferreira de Medeiros
Arbitragem: Amaurilio Marcharth. Auxiliares: Vilmar Raul e Marcelo de Lima.
>> Cardoso Moreira: Macula, Indio (Paulo Roberto), Fabão, Maxwell, Rincon, Pandora, Nenem, Léo Santos, Sandro (Otacilio), Pelica e Fábio Tosca (Rodrigo). Técnico: Mario Marques.
>> Bonsucesso: Everton, Cabral, Max, William (Paulinho), Gomes, Douglas, Gilmar, Alan (Tiago), Edvaldo, Jean Carlo e Sassá. Técnico: Dário Lourenço.
Cartão Amarelo:Bonsucesso: Everton (retardar o jogo), Jean Carlo, Alan e Max (jogadas bruscas). Cardoso Moreira: Rodrigo ( jogada brusca).
Cartão Vermelho: Bonsucesso: Gilmar (Expulso aos 39 minutos do primeiro tempo por atingir seu adversário com uma cotovelada na altura do peito, cartão vermelho direto).
Gols: Nenem aos 51' e Léo Santos aos 78'.
Curiosidade: O preparador físico (Wanderlei José de Almeida), do Bonsucesso foi expulso do banco de reservas aos 34 minutos da primeira fase por reclamar da arbitragem acintosamente.

Arbitragem

A arbitragem para o clássico desta tarde às 16h, será composta por: AGNALDO XAVIER FARIAS, auxiliado por: DIBERT PEDROSA MOISES e MARCOS TADEU PENICHE NUNES. O 4º árbitro será FELIPE GOMES DA SILVA.

O Bonsucesso necessita da vitória para chegar aos sete pontos que o Olaria possui. Portanto hoje é um jogo direto em busca da vaga para a próxima fase. Completando a rodada, Guanabara visita o Cardoso Moreira.


Avante Cesso!!!

terça-feira, 23 de outubro de 2007

Valdiram na Seleção Brasileira!!!

Valdiram com a camisa canarinho



É isso mesmo!! Valdiram na Seleção Brasileira. Pelo menos na opinião de mais de 3.000 pessoas no site de relacionamentos (Orkut), o atacante, agora no Bonsucesso deve ter uma chance na seleção pentacampeã do mundo.

Para acessarem a comunidade, clique aqui:


sábado, 20 de outubro de 2007

Classificação detalhada e atualizada da segunda fase (Grupo G).

Classificação e Resultados dos jogos de hoje !

1º - Olaria - 7 pontos - 4 jogos - 2 vitoria - 1 empate - 1 derrotas - SG : 1

2º - Cardoso Moreira - 5 pontos - 4 jogos - 1 vitorias - 2 empates - 1 derrotas - SG : 1

3º - Guanabara - 5 pontos - 4 jogos - 1 vitorias - 2 empates - 1 derrotas - SG : -1

4º - Bonsucesso - 4 pontos - 4 jogos - 1 vitorias - 1 empate - 2 derrotas - SG : -1


Resultados da Rodada :

Cardoso Moreira 2 x 0 Bonsucesso

Guanabara 1 x 0 Olaria


Proximos Jogos :

24/10 - 16:00 - Bonsucesso x Olaria - Av Teixeira de Castro

27/10 - 16:00 - Guanabara x Bonsucesso - Araruama




sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Hino do Bonsucesso composto por Lamartine Babo !


Larmatine Babo
_____________________________________________


Autor dos mais famosos hinos do futebol brasileiro, Lamartine Babo compôs também uma série de "marchas" esquecidas de times pequenos do Rio.

São Cristóvão, Bonsucesso, Madureira, Olaria, Bangu e até o desaparecido Canto do Rio, de Niterói, ganharam hinos de um dos mais notáveis nomes do carnaval brasileiro.

As músicas originais praticamente perdidas pelo tempo foram resgatadas pelo músico e pesquisador Alfredo Del-Penho.

Os hinos dos clubes "nanicos" são preciosidades e crônicas do Rio antigo

A pretensa grandiosidade dos clubes também é destaque nos hinos do Olaria --"Teu esforço e tua glória/estão crescendo dia-a-dia"-- e do Bonsucesso, que tem Leônidas da Silva, um dos poucos jogadores revelados pelo clube, citado na letra.

"As marchas destes times não têm o mesmo nível dos hinos eternizados pelos grandes clubes, mas mostra toda a genialidade do Lamartine de fazer boas letras de temas difíceis", disse o cantor Pedro Paulo Malta.



Hino do nosso Cesso :

Para a torcida rubro-anil
Palmas eu peço (clap! clap!)
Na Leopoldina em cada esquina
Quem domina é o Bonsucesso
Lá surgiu um jogador sensacional
Surgiu Leônidas, o maioral!
Quando a turma joga em casa
A linha arrasa
Que baile... Que troça!
A torcida grita em coro
Não há choro
A vitória hoje é nossa




Clique aqui e escute o Hino do Cesso :

http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u112891.shtml



Fonte : Folha Online

Sessão Fotos: Bonsucesso X Guanabara

Vejam as fotos do último jogo do Bonsucesso Futebol Club em seu estádio contra o Guanabara.

_____________________________________________




Torcida compenetrada no segundo tempo de partida


------------------------------------------------------



Movimentação das equipes no campo


-----------------------------------------------------------

Gilmar se posiciona na área

Fotos: André Queiroz

Localizando o time adversário...

Cardoso Moreira no mapa.
Foto: wikipédia


Alguém sabe dizer onde fica Cardoso Moreira?


Pois bem, para aqueles que não conhecem Cardoso Moreira, é um município da mesorregião do Norte Fluminense, microrregião de Campos dos Goytacazes. Possuí uma área de Área de 514,882 km² e fica a 330 quilômetros da capital carioca.

"Fanáticos pelo Cesso também é cultura."

Arbitragem

Ontem a tarde na COAF no Rio de Janeiro foi sorteado a arbitragem para a 4ª rodada da segunda fase do Campeonato Carioca da 2ª Divisão. Veja quem comandará a partida envolvendo Cardoso Moreira e Bonsucesso às 16h em Cardoso Moreira:

AMAURILIO MACHARETH SALEÃO será o árbitro, auxiliado por VILMAR RAUL e MARCELO CORREA DE LIMA. O quarto árbitro será HELTON JOSÉ CORREA BENEVIDES.

Lembrando que o Bonsucesso é o segundo colocado do grupo G com 4 pontos seguido do Cardoso Moreira e Guanabara com 2 pontos e o líder do grupo é o Olaria com 7 pontos ganhos.

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Classificação e resultados da segunda fase (Grupo G).


Resultados:
Bonsucesso F . C 3 x 1 Guanabara
Cardoso Moreira 1 x 2 Olaria

Aguenta Coração!

O Maestro da Equipe da Leopoldina


Haja emoção!!! Um excelente jogo nesta tarde quente em Bonsucesso. Disposição, raça e entrega não faltaram em ambas as equipes. Como sempre o Bonsuça foi recepcionado pelo foguetório e pela aclamação de sua torcida no estádio Leônidas da Silva. Já o Guanabara teve apenas o apoio de 10 torcedores que tentavam apoiar a equipe diante dos 90 minutos de partida.

O Bonsucesso começou partindo pra cima do time de Araruama em lançamentos de Jean Carlo para o atacante Edvaldo. Em um desses lançamentos, aos 10 minutos, por pouco o Cesso não abriu o placar. O goleiro Tiago Eller cortou de soco. O Rubro - Anil pressionava sem parar e o técnico Dário Lourenço gesticulava muito e cobrava de seu meio-campo, principalemente do meia Alan, ex-Fluminense que não estava em tarde inspirada.

Aos 17 minutos, após bola lançada por Jean Carlo, Edvaldo dominou e bateu cruzado no canto esquerdo do goleiro Thiago Eller fazendo 1 a 0 no placar. O Bonsuça envolvia o Guanabara no toque de bola, e em uma boa triangulação, Sassá teve uma boa oportunidade para marcar o segundo, mas finalizou de forma errônea.

Mesmo com a vantagem no placar, o técnico Dário Lourenço pedia para o time avançar mais, colocando o atacante Tiago mais próximo da área adversária. Jean Carlo estava em um daqueles dias de camisa 10. Toque de calcanhar, passe de primeira...

Aos 34' o Alvianil chegou assustando após um chute cruzado do atacante Alexandre e aos 40 minutos não teve solução, uma bobeada da zaga do Bonsucesso e depois do cruzamento de escanteio, a zaga desviou e livre de marcação Alexandre colocou a redonda no fundo do gol de Éverton. 1 a 1.

Ao fim da primeira etapa, a cara do técnico do Cesso não era de quem estava gostando da equipe. Com isso, Dário sacou o lateral Bruno Luis e colocou mais um atacante (Gilmar).

O segundo tempo começou com muita correria. Aos 8 minutos, Tiago do Bonsucesso saiu jogando errado, Rodrigo do Guanabara roubou a bola e chutou forte para ótima defesa de mão trocada do ex-goleiro do Vasco, Éverton.

Aos 12 minutos, Edvaldo deu lugar a Rafael Rebelo, o "Canela Torta". O time da Zona Norte precisava da vitória para se manter vivo na competição e aos 25', Jean Carlo deixou Gilmar de frente para o gol, mas o atacante quis dominar a bola com todo carinho e a zaga prontamente afastou.

Aos 30 foi a vez do Guanabara de tentar acabar com a partida. Em um bom contra-ataque, bola cruzada para a área do Cesso e Kaio em baixo das traves conseguiu a façanha de chutar para fora. Oito minutos depois Éverton salvou com os pés o que seria o gol da virada da equipe de Araruama. E como quem não faz, leva, o Bonsuça conseguiu um penalti em cima de Gomes aos 40 minutos.

Jean Carlo cobrou muito bem e nem deixou o goleiro sair na foto. Jean Carlo dedicou o gol a torcida rubro - anil dizendo que ela merecia aquela vitória. Até o fim do jogo, foi um drama. O que ninguém acreditava é que em uma sobra de bola, Rafael Rebelo pegara de primeira e colocara o terceiro gol na conta do Guanabara e "fechava a conta".

O Bonsucesso conquistou a primeira vitória na 2ª fase e obtém no momento 4 pontos. O Olaria venceu o Cardoso Moreira e tem 7 pontos. Cardoso Moreira e Guanabara seguem com 2 pontos cada.

Notas:
Everton: 8.0
Bruno Luis: 6.5
PC: 6.0
William: 7.0
Gomes: 7.5
Cabral: 7.0
Tiago:7.0
Alan:5.5
Edvaldo:7.5
Jean Carlo:8.5
Sassá:6.5
Gilmar:6.5
Douglas:6.5
Rafael Rebelo:7.5



____________________________________


>> Bonsucesso: Éverton, Bruno Luis (Gilmar), PC, William, Gomes, Cabral, Tiago (Douglas), Alan, Edvaldo (Rafael Rebelo), Jean Carlo, Sassá. Técnico: Dário Lourenço.


>> Guanabara: Thiago Eller, Germano, Paulo Roberto, Vieira, Alessandro, Sérgio, Diogo, Jonas (Gedeil), Rodrigo (Tiago), Alexandre (Kaio). Técnico: Rui Menezes.

Arbitragem: Alexei Gabetto Marques Pinto, auxiliado por Lino de Paula Leite Neto e Antonio Miranda Jaggi. O 4º árbitro foi Mauricio Machado Coelho Júnior.

Gols: 1º TEMPO: Edvaldo - Bonsucesso aos 17º / Alexandre - Guanabara aos 40º
2º TEMPO: Jean Carlo - Bonsucesso aos 41º / Rafael Rebelo - Bonsucesso aos 47º

Placar Final: Bonsucesso 3x1 Guanabara

terça-feira, 16 de outubro de 2007

Arbitragem e Recado

Ontem a tarde na COAF-RJ (Confederação de Árbitros de Futebol do Rio de Janeiro) foi sorteado a arbitragem para o confronto entre Bonsucesso X Guanabara.
O jogo será apitado por Alexei Gabetto Marques Pinto, auxiliado por Lino de Paula Leite Neto e Antonio Miranda Jaggi. O 4º árbitro será Mauricio Machado Coelho Júnior.
O árbitro da partida pertence ao quadro da CBF.

Atenção, devido ao horário de verão o jogo entre Bonsuça X Guanabara será realizado as 16h de Brasília no estádio da Teixeira de Castro.

segunda-feira, 15 de outubro de 2007

De Olho na Presa

Arena Guanabara - Araruama
Foto: guanabaraesporteclube.com.br



O Bonsucesso enfrenta nesta quarta -feira às 15h no estádio Leônidas da Silva, o Guanabara. O rubro-Anil tem que vencer de qualquer maneira a equipe de Araruama, principalemente após o tropeço do Cesso para o Olaria na Bariri.


Depois de amanhã será a última partida da primeira fase. Portanto esse jogo será de "6 pontos", já que a diferença que os separam é mínima (1 ponto). O Bonsucesso teve um empate contra o Cardoso Moreira e uma derrota para o Olaria, já o Guanabara teve dois empates.


O alvi- Anil tem uma bela infra-estrutura, com a Arena Guanabara situada na Avenida Amaral Peixoto que suporta 10.000 torcedores. Os destaques da equipe são: Germano (lateral direito), Guido, Calango e Gedeil, ex-Botafogo (Atacantes). O último deles mesmo conhecido diante da mídia futebolística por ter passagem por um time grande do Rio, não vem sendo aproveitado pelo técnico Rui Menezes que opta por deixá-lo no banco de reservas, porém todo cuidado é pouco com Gedeil.

Time Base: Thiago Eller;Germano,Weber , Paulo Roberto e índio ;Diogo, Alessandro e Jones;Guido e Calango, Gedeil. Técnico: Rui Menezes.





Avante Cesso!!

domingo, 14 de outubro de 2007

Já dá para se preocupar !

É amigos, o Bonsuça ainda não venceu nessa segunda fase, parece ser um pouco de preciptação de minha parte, mas acho que temos de ficar alertas, em dois jogos, o Bonsucesso somou apenas um ponto que foi conseguido, dentro de casa, diante do Cardoso Moreira.

O "primeiro turno" desta fase, já vai acabar, e o Cesso pode somar no máximo 4 pontos, para isso, deve vencer a equipe do Guanabara, jogando no Teixeira de Castro, conseguida essa vitória, um novo ânimo surgirá para o Bonsucesso, acredito que o time ainda esteja abalado pelos obstáculos que teve de superar para avançar de fase.

Além de ter somado um ponto, até agora, o Bonsuça ainda não marcou gols, o último gol do Cesso foi anotado por Valdiram, na partida que deu a classificação ao Bonsucesso, diante do Bangu, em Resende, talvez não seja problema com o ataque, ou com a criação do meio-campo, mas o fato é que precisam melhorar.

O papel do torcedor rubro-anil, neste momento, é tentar de todas as maneiras empurrar o time em busca das vitórias, com mais dois ou três triunfos, o Bonsucesso poderá comemorar a classificação, não é hora de desespero, é sim de alerta.

FORÇA, BONSUCESSO.

Olaria vence clássico dramático na Rua Bariri




*FutRio. Confira aqui.


Em confronto equilibrado, como todo grande clássico, o Olaria venceu o Bonsucesso por 1 a 0, com gol de Nielsen, aos 47 minutos do segundo tempo. As equipes se respeitaram muito durante os primeiros minutos, jogavam sem objetividade e tocavam a bola de lado, para conhecer e observar o adversário. O equilíbrio foi a tônica da partida.


O Bonsucesso não rendeu o esperado no primeiro tempo. A principal aposta de gols do treinador Dário Lourenço, que estreava no comando rubro-anil, era o centroavante Valdiram. Principal referência da equipe no setor, o jogador foi substituído logo aos 13 minutos de partida, graças ao rompimento de uma bolha no calcanhar.


Aos 33 minutos Allan cobrou escanteio e Nielsen cabeceou forte, no ângulo esquerdo do goleiro Everton, do Bonsucesso, que foi lá buscar e, com a ponta da luva, mandou a bola para escanteio.


A bola sobrou livre para Allan, que chutou fraco, a meia altura e no centro do gol, para fácil defesa do goleiro rubro-anil, aos 39 minutos. Dois minutos mais tarde, mais um lance perigoso, novamente com Allan: o jogador recuperou a bola no meio campo e arrancou pela lateral esquerda, passou para o meio e chutou da entrada da área. O goleiro Everton estava no contrapé mas, por um triz, conseguiu desviar a bola para a linha de fundo.


O Bonsucesso só voltou a ameaçar na segunda etapa. Aos 4 minutos, William desperdiçou excelente chance de gol aos chutar para o travessão. O Olaria só respondeu aos 23 minutos: Nielsen recebeu bola alta na área, controlada no peito e cabeceada para fora.


O jogador ditava o ritmo de todas as jogadas ofensivas da equipe, mas seus companheiros de ataque finalizavam muito mal. O Bonsucesso conseguiu equilibrar o jogo, mas o ataque era inoperante e a partida ganhou contornos dramáticos nos últimos minutos.


A comissão técnica do Bonsucesso reclamou muito dos 4 minutos de acréscimos oferecidos pelo árbitro Marcelo Pinto. Parecia prever o que viria adiante. Aos 47 minutos, Nielsen fez belo gol de falta e definiu a vitória alvianil. “Importante resultado, estou feliz por ter ajudado a levar o Olaria para a liderança da chave”, afirmou o meia artilheiro.


As equipes voltarão a campo quarta-feira. O Bonsucesso receberá o Guanabara, enquanto o Olaria vai ao Noroeste Fluminense enfrentrar o Cardoso Moreira.


A partida


Estádio Mourão Filho (Rua Bariri/ Rio de Janeiro-RJ)


Árbitro: Marcelo de Souza Pinto


Auxiliares: Alexandre Rodrigues da Silva Rebelo e Lúcia de Fátima Azevedo.


Olaria: Vinícius; Marcelo, Flávio (Jeffinho), Jordan e Silas (Thiago Sá); Marcos, Nielsen, Flávio, e Marquinhos; Bruno (Reginaldo) e Allan.Técnico: Toninho Andrade.


Bonsucesso: Everton; Bruno Luiz, PC, William e Cabral; Gomes, Valdiram (Edvaldo), Alan (Kemerson) e Jean Carlo; Rafael Rebelo (Gilmar) e Sassá. Técnico: Dário Lourenço.


Cartões amarelos: Kemerson e Alan (Bonsucesso) e Flavio, Flávio e Marcelo (Olaria).


Gol: Nielsen (Olaria, 47/2°t)

Olaria vence o Bonsucesso

No clássico da Leopoldina, Nielsen garante a vitória e a liderança aos 47 minutos do segundo tempo

Em mais uma edição do clássico da Leopoldina, o estádio da Rua Bariri reviveu momentos de grande emoção na história do futebol carioca. O Olaria desconsiderou o clima de festa do Bonsucesso — que na última sexta-feira comemorou 94 anos de existência — ao vencer a partida nos acréscimos, por 1 a 0, com um belíssimo gol de Nielsen. Com o resultado, o Olaria alcançou os quatro pontos, isolou-se na liderança e empurrou o Bonsucesso para a lanterna do Grupo G.

Uma arrancada no início da segunda fase é tudo o que o Olaria precisava para se aproximar cada vez mais do octogonal final, que definirá os quatro clubes que ascenderão à elite do futebol carioca. A partida foi muito movimentada, com chances claras de gol para os dois lados. Em sua estréia, o técnico do Bonsucesso, Dário Lourenço, logo revelou o seu lado de estrategista: o time interpretou bem a tônica do jogo, se fechou e soube esperar pacientemente os erros do Olaria, explorando os contra-ataques.

De nada valeu o “ferrolho” do time visitante, pois aos 47 minutos da etapa final, o feitiço virou contra o feiticeiro e, em um contra-ataque do Olaria, o zagueiro Paulo César, do Bonsucesso, parou a jogada com o braço. O árbitro Marcelo de Souza Pinto marcou a infração próxima à grande área. A torcida do Olaria se agigantou, e, com muita energia, incentivou Nielsen a fazer uma linda cobrança de falta indefensável.

Colheita de gols

O técnico Toninho de Andrade gostou do desempenho do time e, apesar da liderança no grupo, não quer que os jogadores relaxem e diminuam o ritmo nos jogos fora da Rua Bariri.

“Nós fizemos uma boa partida. Tivemos domínio total no primeiro tempo. No segundo, era natural que o nosso time ficasse mais exposto, já que buscamos a vitória. Agora é tentar colher maior número de gols fora de casa”, disse.

Herói da vitória, Nielsen revelou sua emoção e disse ter acreditado no gol desde o início.

“É gostoso demais fazer um gol desses. Desde o início sabia que uma hora ou outra a bola iria entrar. Estamos de parabéns”, admitiu.

Fonte: Jornal dos Sports